Informativo 106

Pokémon GO é demoníaco?

POSTED ON Agosto 7th  - POSTED IN Noticías

O japonês Satoshi Tajiri criou o universo Pokémon, termo inventado por elepara abreviar as palavras em inglês Pocket Monsters, ou “monstros de bolso”. Lançado em 1996 como vídeo game, foi um grande sucesso, tornando-se no ano seguinte um desenho animado de sucesso mundial, que possui diferentes variações e é produzido até hoje. Como todo produto de expressão, a marca foi usada numa infinidade de produtos, tendo como público-alvo as crianças.

Selos descobertos em Jerusalém

POSTED ON Março 8th  - POSTED IN Noticías

Selos raros do período do Templo de Salomão descobertos em Jerusalém

Um dos selos remete à imagem bíblica da mulher virtuosa, descrita em Provérbios 31.

Uma escavação arqueológica em Jerusalém revelou dois selos raros que datam do período do primeiro templo, construído pelo rei Salomão. A Autoridade de Antiguidades de Israel anunciou as descobertas na segunda (7).

Os dois selos, inscritos em pedras semipreciosas, foram descobertos no estacionamento da Brigada Givati, um importante sítio arqueológico da capital. Um deles trás o nome de uma mulher Elihana bat Gael, cujo tradução seria “Eliana, filha de Gael.”

O doutor Haggai Misgav, da Universidade Hebraica de Jerusalém, afirmou que o selo remete à imagem bíblica da mulher virtuosa, descrita em Provérbios 31. Para ele, este selo é notável porque sinaliza que a mulher tinha uma posição que “permitia-lhe fazer negócios e possuir propriedade.” O estudioso esclarece que “de modo geral, a prova da independência jurídica e financeira na Bíblia e da arqueologia são raros”.

O outro selo traz o nome de Sa’aryahu ben Shabenyahu. O primeiro nome poderia ser traduzido como “Yahweh foi revelada na tempestade.” Os pesquisadores acreditam que o nome lembra de Jó 38, que fala do Senhor conversando com Jó dessa maneira.

Os líderes do Projeto Triagem, que escava uma montanha de “entulho” retirada do Ofel (sul do Monte do Templo), na Cidade de Davi, explicam que cada um desses achados enfraquece as teorias contrárias à existência em Jerusalém de um reinado (e um templo) reconhecido de Salomão. Também mostram que as descrições do texto bíblico relativo a expansão dele, são de fato, autênticos.

Ano passado, foram encontrados dois selos importantes. O do rei Ezequias e um carimbo oficial da época do Templo de Salomão.

Projeto Peneira

Coordenado pela Universidade Bar-Ilan e a Fundação Cidade de Davi, o “Peneira” deseja investigar todo o material dos mais de 400 caminhões de terra retirados do Monte do Templo e despejados em um vale, perto da Cidade Velha de Jerusalém.

Zachi Dvira, idealizador do projeto que possibilita que voluntários ajudem na escavação, explica que desde o início do projeto em 2004, mais de 170 mil pessoas já participaram. Cerca de 50% da terra retirada do local sagrado já foi analisada.

O doutor Barkay afirma que esse “aterro” é o “maior crime arqueológico da história de Israel”.  Afinal, o Monte do Templo está no centro da disputa política sobre Israel ser (ou não) a capital de um futuro Estado da Palestina.

“O Monte do Templo é o mais delicado e mais importante sítio arqueológico no país, e jamais foi escavado por causa da política. É uma incógnita; um pedaço de terra desconhecida”.

Após a reunificação de Jerusalém durante a Guerra dos Seis Dias, em 1967, Israel retomou o controle de sua capital, mas por causa de um acordo, o Monte permanece sob domínio do governo jordaniano. Achados arqueológicos que comprovem que ali repousava o templo de Salomão colocariam por terra os argumentos muçulmanos de que os judeus não têm direito ao local. Com informações de Christian News

Cruz em Marte

POSTED ON Março 7th  - POSTED IN Noticías

Fotos da NASA revelariam existência de cruz em Marte

Órgão divulga imagens curiosas do planeta vermelho

Fotos da sonda Curiosity, da NASA, que revela aspectos da superfície de Marte geram curiosidade de especialistas e “curiosos” por todo o globo.

Por causa das fotos mais recentes, enviadas no final de fevereiro, surgiu a especulação sobre a existência de uma espécie de igreja no planeta vermelho. Para não restar dúvida que seria um templo cristão, há uma estrutura que remete a imagem de cruz bem ao lado.

Rapidamente, surgiu a teoria que alienígenas inteligentes e cristãos as construíram em um tempo indeterminado. Segundo o jornal inglês Metro, que destacou a situação, ufólogos estão animados com essa revelação.

Vários sites mostram que a suposta igreja teria um telhado de construção elaborado. O ufólogo Scott C Waring asseverou: “Esta é uma descoberta muito incomum. Provavelmente, algo muito significativo para alguns leitores religiosos. A cruz está fixada do outro lado da colina rochosa, de modo que sua parte inferior não é visível”.

Ele diz não ter dúvida que aquele é um símbolo cristão e que a estrutura “evidencia a existência de uma igreja”.

Suposta cruz em Marte.

O assunto também foi analisado pelo jornal Daily Mail. O periódico lembrou que em 2013, outras fotos da Curiosity mostraram uma suposta cruz na superfície de Marte.

O The Sun um dos jornais mais populares entre os ingleses, minimizou. Para ele é apenas um exemplo de pareidolia, fenômeno que nos faz perceber formas familiares em imagens aleatórias. Exemplos comuns de pareidolia é a capacidade de ver animais ou rostos nas nuvens.

A NASA recusou-se a comentar o assunto.

Igreja perseguida é censurado

POSTED ON Março 2nd  - POSTED IN Noticías

Filme sobre a igreja perseguida é censurado no Youtube

Departamento responsável pela decisão alegou que o material violou “orientações da comunidade”, por ter conteúdo impróprio.

Cineastas cristãos estão questionando a retirada do Youtube de um pequeno filme recém-lançado sobre a perseguição religiosa no Oriente Médio.

Os criadores do vídeo “Chased” (“Perseguidos”) se manifestaram contra a decisão da plataforma de compartilhamento de vídeos, em remover seu filme de 33 minutos. O departamento responsável pela decisão alegou que o material violou “orientações da comunidade”, por ter conteúdo “impróprio”.

O filme apresenta a história fictícia de Anneliese, uma jovem cristã residente nos EUA, cuja família é perseguida por sua fé cristã.

Como o site do filme informa, a produção pretende mostrar como seria a vida dos cristãos nos Estados Unidos se eles fossem forçados a suportar a mesma perseguição vivida atualmente pelos cristãos no Oriente Médio.

O propósito do filme, o site acrescenta, é “[trazer] a história da perseguição religiosa para perto de casa”.

“Para muitos, a realidade da perseguição é um conceito abstrato. Embora possa ser desconfortável imaginar uma sociedade sem liberdade religiosa, esta é uma verdade muito pessoal para os 100 milhões de cristãos que lutam pelo direito de expressar sua fé em áreas religiosamente reprimidas”, lembrou o texto do site.

“‘Chased’ levanta a questão: ‘e se não existissem as nossas próprias liberdades religiosas?”, destacou.

O Christian Post procurou o departamento responsável pela retirada do vídeo do ar no Youtube, para que a decisão fosse comentada, mas não recebeu uma resposta.

Emily Weaver, roteirista do filme, disse em uma entrevista ao The Blaze na semana passada que ela e outros criadores do filme estão buscando respostas a respeito do bloqueio do material.

“Estamos tentando obter uma resposta sobre por que o YouTube proibiu a veiculação do nosso curta-metragem que fala de fé, mas eles estão dizendo que o filme ‘viola os padrões da comunidade’”, explicou Weaver. “Parece que a arbitrariedade é bem viva no Youtube, pelo menos em nossa experiência”.

Vários outros cineastas cristãos concordam que o Youtube é arbitrário e utiliza de um método escuso para proibir spammers e conteúdos que considera inadequados ao site.

Em 2013, tanto o YouTube quanto o Facebook bloquearam temporariamente o filme “Unstoppable” (Imparável), do ator cristão Kirk Cameron (irmão da protagonista de “Fuller House” – nova série da Netflix -, Candice Cameron), devido as políticas destes sites contra “spam” e “conteúdos comercialmente falsos” (?!).

O filme, estrelado por Cameron e produzido em conjunto com a Liberty University, segue o personagem principal enquanto ele procura responder uma importante pergunta: “Por que Deus permite que coisas ruins aconteçam a pessoas boas?”.

“Se Deus é bom, por que há tanto sofrimento? Por que há tanta dor? Por que Ele permite o mal no mundo se poderia pará-lo?”, questiona o ator em vídeo que promoveu o filme, lançado em 2013.

Cameron, que já atuou em sitcoms conhecidos na década de 80 (sendo Growing Pains, da ABC, o mais famoso), conseguiu que Facebook e YouTube suspendessem seus bloqueios a “Unstoppable” depois de iniciar uma campanha online.

“Agora vamos ter certeza que nada irá impedir “Unstoppable” de chegar aos cinemas de sua cidade, em 24 de setembro. Compre seus ingressos hoje. Se vendermos todos os assentos no cinema de sua vizinhança, nada pode impedi-lo de ser exibido lá”, disse Cameron à época da campanha.

Apesar do bloqueio/censura no Youtube, o curta-metragem está disponível na plataforma concorrente, o Vimeo.

salvar casamento

POSTED ON Março 1st  - POSTED IN Noticías

Advogado que cuidaria do divórcio ajuda a salvar casamento

Ao analisar alguns fatos sobre o relacionamento, o casal resolveu voltar atrás e continuar casado

O advogado Rafael Gonçalves, que atua na cidade de São Sebastião do Paraíso (MG), recebeu em seu escritório uma mulher que queria se separar do marido por “uma futilidade”.

Acostumado a lidar com divórcios, ele resolveu agir diferente e ao solicitar os documentos necessários para dar entrada ao pedido de divórcio, fez quatro perguntas a respeito da relação.

“Como de praxe nas minhas consultas, anoto os documentos necessários à propositura da ação em meu bloco de anotações e solicito que o cliente traga a documentação. Mas esse caso era diferente… Ouvi pacientemente a cliente sobre os motivos que a levavam ao divórcio, e como na maioria das ações desse tipo, era perceptível a ligação do casal e o amor que ainda existia entre as partes”, relatou o advogado em seu perfil no Facebook.

O profissional esclareceu que a decisão de se divorciar ou não é de seus clientes, mas que faz parte das suas atividades resolver conflitos.

“Tratava-se de um momento de conflito único e aquela decisão, ao meu ver, era precipitada! Mas quem sou eu pra interferir na vida alheia? Quem sou eu pra meter a colher na relação do casal? Quem sou eu pra julgar a decisão de ambos? SOU O ADVOGADO! E aprendi ainda na faculdade que devo resolver conflitos, orientar as partes antes da decisão de partir pro campo jurídico. Assim fiz!”

Bilhete do advogado

As quatro perguntas que Rafael Gonçalves fez à futura cliente foram:

– Eu fiz tudo o que pude para salvar seu casamento?!

– O divórcio é a melhor opção hoje?

– Quem são minhas maiores influências?

– Quantos momentos superamos juntos e quando nos conhecemos?

Assim que respondesse o questionário e tivesse certeza do divórcio a cliente poderia retornar ao escritório com os documentos em mãos para iniciar o processo.

“Finalizei perguntando se ela tinha expectativa de encontrar alguém que lhe desse tudo que o marido não está dando no momento. Ela afirmou com a cabeça. Encerrei dizendo que, quando a grama do vizinho estiver mais verde, não necessitamos de ir visitá-la, experimentá-la. Basta regar a nossa grama. Na vida é a mesma coisa. Antes de trocar, tente consertar”, disse.

O profissional acabou “perdendo” a cliente, pois após analisar o caso a mulher desistiu do divórcio. “Por incrível que pareça, o casal voltou hoje, devolveu minha anotação, dispensou os meus serviços e agradeceu os conselhos”.

Mas Rafael não ficou triste por perder o caso, pelo contrário. “Perdi a cliente, mas ganhei um casal de amigos. São coisas simples da vida que valem a pena. E que essa história dure o tempo de Deus”, encerrou o profissional.

“Os Dez Mandamentos”

POSTED ON Fevereiro 26th  - POSTED IN Noticías

“Os Dez Mandamentos” ultrapassa bilheteria de Star Wars

Foram mais de 6,6 milhões de ingressos vendidos em quatro semanas

O filme “Os Dez Mandamentos” continua fazendo sucesso nas telonas do país. Em menos de um mês de estreia já foram vendidos mais de 6,6 milhões de ingressos.

A quantidade faz com que o longa bíblico ultrapasse a bilheteria do filme “Star Wars: O Despertar da Força”. Segundo o R7 os números são bem próximos, porém o filme da Rede Record ganha por alguns pontos sendo 6.679 milhões de ingressos vendidos para Os Dez Mandamentos e 6.667 para o Star Wars.

A grande diferença é a quantidade de dias, o que o filme bíblico vendeu em quatro semanas, “Guerra nas Estrelas” levou dez semanas para alcançar.

Os números usados pelo R7 foram divulgados pela empresa Rentrak, especializada em contabilizar oficialmente os números da frequência de cinema no Brasil.

Vale lembrar que antes mesmo da estreia do filme, mais de 2 milhões de ingressos já haviam sido vendidos na pré-venda. Provando que o filme seria um grande sucesso de público, assim como foi a novela que terá sua segunda temporada exibida no mês de abril.

Back to Top